Foto: Egberto Nogueira / Revista Veja

Na Sessão Ordinária desta terça-feira, 18 de junho, primeira Sessão Ordinária após o falecimento do vereador Adelson do Hospital, o presidente da Câmara, vereador Oliveira Altair – MDB, em obediência à Lei Orgânica do município e ao Regimento Interno da Câmara, declarou extinto o mandato do vereador e diante da vacância do cargo, após comunicado oficial da Justiça Eleitoral, convocou o 1º suplente eleito pelo Partido da República – PR, nas eleições municipais de 2016, Reverendo Padre Dionísio Ailton Pereira, para que tome as providências legais necessárias para a posse.

Ele deverá tomar posse em data agendada pelo Presidente da Casa. Após a leitura do Ato nº 01/2019, ocorrido nesta terça, o suplente tem 15 dias de prazo para a apresentação dos documentos solicitados para a sua posse.

PADRE DIONÍSIO

O reverendo padre Dionísio Aílton Pereira, 50 anos, é o mais novo vereador na Câmara Municipal de Pouso Alegre. Padre Dionísio como é conhecido assume a cadeira deixada por Adelson do Hospital, falecido no último domingo, 16 de junho.

A posse ao novo vereador deverá acontecer nos próximos 15 dias durante a sessão ordinária a ser ainda definida pelo presidente Oliveira Altair. No momento o clima ainda é de muito pesar pelo passamento de Adelson do Hospital que vinha realizando um extraordinário trabalho em prol da saúde em Pouso Alegre.

O Reverendo Padre Dionísio Aílton Pereira disputou as eleições de 2016 pelo PR obtendo 820 votos o que lhe garantia a suplência em caso de afastamento ou morte do vereador, que agora, deverá ocupar até o final de 2020.

Padre Dionísio Possui Licenciatura em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1997), graduação em Teologia – Faculdades Associadas Ipiranga (2000), mestrado em Teologia – Faculdades Associadas Ipiranga (2001) e doutorado em Teologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2010). Foi diretor geral da Faculdade Católica de Pouso Alegre (2009/2013). Atualmente é professor do Instituto Nacional de Ensino Superior e Pós-Graduação Padre Gervásio e professor assistente da Universidade do Vale do Sapucaí. Tem experiência nas áreas de Filosofia, Sociologia e Teologia, com ênfase em ética social e antropologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Pessoa humana, Sociedade, Política e Saúde. Tem experiência com o Ensino à distância semipresencial através do uso da plataforma Moodle, na Universidade do Vale do Sapucaí (2010/2019).

É fundador da Igreja da Fé no Bairro Foch onde exercesse as funções de Reverendo padre que lhe foram outorgadas pela Igreja Anglicana Episcopal do Brasil celebrando missas para dezenas de fieis sobre a proteção de São Jorge. É nome cotado para ser Bispo dada a sua orientação filosófica e acadêmica. Pessoa querida entre as pessoas da terceira idade onde exerce a função de diretor de proteção social básica na Secretaria de Políticas de Pouso Alegre.

Suas primeiras palavras como vereador gravadas antes da celebração da missa que celebraria em sua igreja, no bairro Foch foram destinadas ao então colega de chapa, o Adelson do Hospital. Padre Dionísio afirma que deseja trabalhar para ajudar o povo a enfrentar os problemas que a cidade vive, dar voz a quem não tem voz, e que vem fazendo isso desde sua infância, ele espera honrar a memória do Adelson. No vídeo gravado após a entrevista destacamos cenas de sua atuação como reverendo e padre da igreja da fé em Pouso Alegre/MG.

O reverendo e padre Dionísio é de Cachoeira de Minas/MG, tem 50 anos, vive em união estável com Rita de Cássia Costa e tem um filho, André Costa Pereira. Décimo filho de uma família composta de treze irmãos, reside em Pouso Alegre desde 1993 cidade que escolheu para viver e trabalhar. A primeira entrevista do Padre Dionísio assim que tomou conhecimento de que seria o novo vereador de Pouso Alegre, ocupando a cadeira deixada por Adelson do Hospital foi concedida a TVJC a quem agradecemos profundamente. Padre Dionísio faz parte do nosso rol de amizade e a ele desejamos sucesso nesta nova jornada de sua vida.

Direto da Redação por Neilo Machado

Comentários

Publicidade